fbpx

Dinâmicas para reunião de pais

 

 

Por quê utilizar dinâmicas para reunião de pais?

Porque muitas vezes queremos passar uma mensagem ou deixar uma lição para os pais do que esperamos nessa relação, mas não é fácil transmitir um aviso, um pesamento ou uma ideia, pois pode parecer muito direto, ou até mesmo uma critica. Portanto a forma como colocamos as palavras pode não engajar ninguém com o real propósito de mudança que queremos. Dessa forma, as dinâmicas para reunião de pais podem te ajudar a transmitir alguns recados de uma forma mais leve e descontraída.

 

A lista de dinâmicas para reunião de pais abaixo faz parte de uma área de membros para professores memoráveis, se deseja ter acesso a todos os conteúdos em forma de vídeos, materiais em pdfs e muito mais acesse esse link aqui. 

Vamos começar as dinâmicas para reunião de pais

 

1 – Por água abaixo 

Imagem da dinâmica

professores memoráveis

 

Material: Saco plástico, palitos de dente, água, balde ou bacia.  

 

Objetivo: Promover um elo da família e a escola, recomendando as virtudes e valores importantes para um convívio harmonioso nessa relação.

 

Desenvolvimento: Você deverá colocar água no saco plástico e amarrar. Deixe o saco amarrado no balde ou próximo dele no alto. Uma pessoa pode ajudar segurando o saco plástico enquanto você espeta um palito de dente na parte de cima para cada palavra que disser.

 

Você começará a reunião falando dos valores e virtudes que espera dos pais, filhos e professores, as palavras indicadas são (carinho, amor, atenção, afeto, respeito, educação, paciência, confiança, ter limites). Sobretudo podem ser adicionadas outras de acordo com a sua intenção.

 

Esperamos sempre ações boas nesse convívio. Porém nem sempre é isso que acontece, então teremos o dever de falar das coisas erradas que ocorrem e dificultam o elo da família com a escola.

 

Momento de impactar os pais:

 

Agora, será o momento de falar sobre os problemas e espetar o palito na parte de baixo do saco plástico e tirar, fazendo a água vazar no balde. Use termos como (tristezas, discórdias, gritarias, desafetos, inimizades e conflitos contra a escola). Depois você deixa vazar água no recipiente escolhido e começa a reflexão com os pais.

 

Algumas falas de pais que podem prejudicar a harmonia com a escola:

 

“Essa escola não presta”, “vou tirar meu filho dessa escola”, vou fazer um barraco lá na porta, enquanto a água continua a vazar “mostre para os pais o saco no alto para verem vazando”, tudo que a gente construiu com amor, carinho, atenção, afeto, respeito, educação, paciência, isso tudo vai por água abaixo.

 

Sabe por quê? porque muitas vezes a gente valoriza mais os problemas do que o que foi construído durante todo o ano, os bons momentos, os ótimos resultados, o trabalho duro, enfim, a evolução da criança.  

Texto sugerido:

 

Nós, professores, a direção, coordenação, merendeiras, faxineiras, porteiros, secretárias, enfim, todos nós, estamos aqui para dar o nosso melhor, as melhores práticas, um convívio harmonioso, uma merenda de qualidade dentro da nossa possibilidade (caso a escola tenha), uma escola limpa, entre outras qualidades que são possíveis de se observar na escola…Tudo isso para os filhos de vocês.

 

Desse modo, temos que construir isso juntos com todos os valores e virtudes que desejamos para as crianças. Todos devem participar da educação, seja em casa ou na escola. É isso senhores pais, desejo que tenhamos bons motivos para sorrir, mesmo com os desafios presentes nessa jornada.

 

Gratidão pela presença de todos aqui nessa reunião. Que possamos desfrutar de bons momentos juntos.

 

Essa é uma das dinâmicas de reunião de pais preferidas pelos professores.

 

Se a sua dificuldade for a participação dos pais na sua reunião você pode testar a dinâmica convite

 

Veja também: Dinâmicas para volta ás aulas 

2 –  Pirulito

blank

Professores memoráveis

 

 

Material: Saco com pirulitos.  

 

Objetivo: Unir os pais e professores, mostrar a importância de cada um na educação e ensino das crianças.

 

Desenvolvimento: Você deverá pedir para os pais tirarem a embalagem do pirulito com apenas uma mão. Posso te afirmar que é quase impossível fazer isso, se não for (eu não conheço ninguém que já tenha feito isso).

Em seguida, você irá pegar um pirulito e dirá que é muito difícil fazer isso com uma mão, se não impossível, mas se você usar as duas mãos fica fácil. Assim conseguimos abrir a “embalagem do conhecimento”, pois só teremos um bom resultado se trabalharmos juntos.

 

Qual a mensagem que você deve passar?

 

A mensagem é que de forma didática você vai dizer que os pais são apenas uma mão e os professores são a outra, tanto um quanto o outro precisam de ajuda para ensinar e educar as crianças.

 

No final para enfatizar ainda mais o trabalho coletivo, após tirarem as embalagens dos pirulitos, terão que ficar com as mãos estendidas “esticadas” na frente do rosto, dessa forma só conseguirão desfrutar da guloseima se servirem uns aos outros.

 

Deixando a mensagem no ar, que precisamos sempre um do outro, mas claro, todos devem fazer a sua parte.

 

Se você tem interesse em frases impactantes para o dia a dia escolar pode encontrar no facebook dos Professores Memoráveis é só clicar aqui e curtir a página. 

 

3 – Não quero ir a escola

imagem

professores memoráveis

 

 

Material: Nenhum.

 

Objetivo: Despertar a vontade e a curiosidade da criança em estar na escola. Jeito criativo de convencer seu filho de ir a escola.

 

Desenvolvimento: Essa dinâmica é baseada na história de uma criança que não queria ir a escola.

 

Você deverá contá-la para os pais.

 

Texto sugerido:

O pai chegou em casa e falou: – Filho, amanhã será seus primeiro dia na escola. O menino sem saber o que era escola se jogou no chão  e começou a espernear, fazer birras, disse que não iria para a escola. O pai muito sensato, sabia que não adiantaria gritar ou brigar com ele, não iria resolver a situação, então, o que ele fez?

 

Chamou a filha mais velha, foram para a mesa da sala, colocaram as cartolinas, pegaram as tintas e colocaram o dedo para fazer desenhos. O menino que ainda estava no chão, fazendo birras, levantou, encostou do lado e disse: – O que vocês estão fazendo?

 

O pai respondeu: – Estamos pintando, pintando com os dedos, você não sabe ainda porque você não foi para a escola, e, é na escola que aprende a pintar, então, você não vai poder participar.

 

Depois disso o menino ficou a noite inteira do lado, com aquela vontade de participar.

 

Todos foram dormir.

 

No outro dia de manhã, o pai desceu as escadas e encontrou o filho, sentado na poltrona com o uniforme. E o pai perguntou – Ué! O que você está fazendo aí?

Filho: – É que eu não queria perder a hora de ir para a escola.

 

Lição: Desperte um forte desejo na criança de querer fazer o que você propõe a ela.

Nesse caso vemos que a criança estava jogando, quando fez birra, se jogou no chão para conseguir o que queria, mas o pai também jogou com essa criança, o que fez despertar a sua vontade em conhecer a escola. Os jogos envolvidos em muitas de nossas ações influenciam diretamente em nossas vidas. Utilize maneiras criativas de ensinar os seus filhos.

 

Baixe o E-book gratuito:  Dinâmicas para sala de aula

 

4 – Problema amassado

Dinâmica problema amassado

professores memoráveis

 

 

Material: Folha de papel.

 

Objetivo: Resolver e/ou prevenir os problemas dos pais com o cotidiano escolar.

 

Desenvolvimento: Entregue uma folha para os pais e fale para eles balançarem no ar. Pergunte se está fazendo barulho? Feito isso, peça para amassar, após terão que endireitar a folha o máximo que puderem, tomando cuidado para não rasgar. Diga para amassar mais uma vez e depois endireitar novamente. Depois disso, fale para eles balançarem a folha no ar. E pergunte se está fazendo barulho como antes?

 

Texto sugerido:

 

Dessa vez não terá barulho e você poderá fazer uma reflexão sobre os problemas que acontecem no dia a dia. Neste caso, do cotidiano escolar.

 

A primeira vez que você balançou a folha e fez barulho podemos representar como as dificuldades, medos, inseguranças, enfim, os problemas que enfrentamos.

 

E esses problemas fazem muito barulho na nossa mente, apertam o nosso coração, nos deixam angustiados, desesperados e a partir daí começamos a reclamar de tudo, da escola, dos filhos, dos professores, dos diretores, dos vizinhos, do bairro, enfim, qualquer coisa.

 

Em contrapartida, quando amassamos essa folha significa que temos o controle da situação, que podemos resolver esses problemas “barulhos”, que já não nos afetam mais, que um boletim vermelho pode ser resolvido com acordos com os filhos, que muitos problemas na escola podem ser resolvidos com um simples acompanhamento, com os pais tendo controle do que seus filhos estão fazendo na escola, perguntando se tem tarefas para fazer em casa, olhando o caderno, conversando com os professores, em conclusão, participando mais da vida escolar para evitar os problemas.

 

 

Seja assinante da área de membros dos professores memoráveis e tenha acesso a dinâmicas para a sala de aula, reunião de pais, reunião de professores e até dinâmicas para inclusão. Acessa o link clicando aqui.

 

 

Bom, chegamos ao fim desse post de dinâmicas para reunião de pais. Mas não fique com dúvidas, estamos aqui para te ajudar, por isso, quero saber a sua opinião sobre essas práticas. Comente aqui abaixo e vamos continuar o nosso bom trabalho como professores memoráveis. 

 

Pin It on Pinterest